Como treinar no frio?

Foto: Pexels, de Karolina Grabowska

Michelle Amorim

Michelle Amorim

Fitness
11/07/2022 - por Michelle Amorim

Você é do tipo de pessoa que ama frio, ou foge dele? A junção frio e exercício físico é um desafio enorme, mesmo para quem gosta do frio. Trocar a cama quentinha por uma hora de treino, convenhamos que não é um programa muito atrativo, mas, é no frio que temos a tendência de aumentar a quantidade de alimentos ingeridos, como carboidratos e gorduras, sendo o cenário perfeito para o ganho de peso e aumento do sedentarismo, desânimo, aumentando o número considerado de pessoas com transtornos de ansiedade e depressão.

Por isso temos inúmeros motivos para a prática a de exercícios no inverno, vamos conhecer alguns deles:

Treinar no inverno pode te ajudar a emagrecer

No frio o nosso corpo faz um esforço para se manter aquecido, há um aumento considerável de energia, saindo da sua zona de conforto ( homeostase), levando a um maior gasto de caloria. Porém para que isso aconteça precisamos que o treino seja em uma intensidade onde permitimos que o corpo aumente a temperatura ideal e permaneça nela por mais tempo.

Prevenção de doenças e melhora da imunidade

A exposição frequente a temperaturas baixas, ajuda a aumentar a atividade do sistema imune, podendo reduzir o risco de ter doenças comuns, como gripe ou resfriado. Ao aumentar a resistência ao frio, há também um aumento do esforço do corpo, que faz com que ele fique mais forte e menos propício a diversas doenças.

A prática de atividade física durante o inverno, faz com que o coração precise bombear sangue mais rapidamente para o aquecimento do corpo, reduzindo a pressão arterial e evitando a longo prazo doenças cardíacas e infartos.

Prevenção e melhoria de doenças intelectuais

No Inverno a tendência ao desânimo e a compulsões alimentares aumentam, pelo desconforto do frio e baixo contato com ao sol, por isso é de extrema importância a prática de exercício, pois gera a sensação de relaxamento, prazer e superação pessoal, estimula o neurotransmissor responsável pela promoção da sensação de prazer (aumento na produção de serotonina) o hormônio do bem-estar, controlando e melhorando sintomas de depressão e ansiedade.

Mesmo sabendo dos benefícios para a prática de exercício físico, ainda assim não é fácil levantar da cama ou criar um hábito saudável durante o frio, segue 4 dicas para você não se sabotar:

1- Crie metas

Coloque uma data, um evento, ou um propósito como objetivo dos seus treinos, é importante ter estímulos individuais, um porque só seu, que realmente vale a pena o esforço de praticar.

2- Se organize

É importante guardar um tempo para organizar a logística da sua semana, incluindo nela atividade física. No frio separar a roupa de treino um dia antes, fará com que se sabote menos antes de treinar.

3- Encontre a atividade que você goste

Não descanse até achar uma atividade que traga prazer em praticá-la, lembrando que a prática de atividade física é algo que faremos para o resto da vida é importante que encontre algo que tenha prazer em realizar.

4- Encontre alguém para partilhar com você o momento de treino

O apoio de um profissional da área ou um amigo, fará com que você tenha um compromisso para sair da cama, não só com você mais com quem compartilhar desse momento tão importante do seu dia.

Encontre um momento para você e para sua saúde.

Lembre-se que cuidar da sua saúde é garantir qualidade de vida em qualquer época do ano.

* Texto escrito por Rayane de Morais Paulino, Formada em Educação Física, Pós graduação em Gestão de Negócios, do time Pinkfit.

Comente esse post!

Deixe seu Comentário