Gordofobia

Maria Augusta-Blog Belicosa

Maria Augusta-Blog Belicosa

Comportamento
07/03/2015 - por Maria Augusta-Blog Belicosa

Cerca de 30% das mulheres são obesas. E com a obesidade vêm a discriminação já que são pessoas fora do padrão de beleza atual exigido por muitos.

Numeração de roupas cada vez menores e modelos cada vez mais esqueléticas fazem da beleza feminina uma exigência, onde somente as magras têm vez.

Não é de hoje que a mulherada se rende aos sacrifícios para ter um corpo desejado. Mas o aumento do número de cirurgias plásticas em mulheres cada vez mais jovens impõe um conceito cruel de que ter curvas não é legal.

A sociedade atual exige que mulheres sejam, antes de qualquer coisa, peças decorativas, e ser gorda não entra nesse padrão.

Para serem aceitas as gordinhas tem que se enquadrar no rotulo de simpática ou engraçadas para não sofrem todo tipo de piada.

Em qualquer quadro de Da Vinci, ao mais novo calendário da Pirelli, há mulheres volumosas, belas e sexy. E não há mais espaço para esta gordofobia generalizada nas redes sociais, sites e na vida real.

Há um vasto mercado para as cheinhas que não desejam ser magrelas. Onde modelos Plus size deixam os catálogos de roupa íntima para serem capas da Vogue.

Seja em qualquer profissão escolhida, mulher é mulher e pronto. O que as diferencia de pessoas apenas decorativas a interessantes é a bagagem emocional interna não o seu tamanho.

Instagram: @Belicosa55
Twitter: @Belicosa555

Comente esse post!

Deixe seu Comentário